Fortaleza Esporte Clube. FEC. Ativo pela última vez: Nunca
Não fez Login [Login - Cadastro]
Descer para o final da página

Versão para impressão | Assinar | Adicionado aos Favoritos   Enviar nova mensagem
Autor: Assunto: Parceria com Artur Boim
guaramiranga
Super Craque
*********


Avatar


Mensagens: 6541
Cadastrado: 1-8-03

Naturalidade: Botija - Guarami

O usuário não está online

Humor: Esses DIRETORES s?o de PRIMEIRA!

enviada em 5-2-14 em 11:31 AM Responder com Citação
Parceria com Artur Boim



Alan Neto, 05/02/14
FACA DE DOIS GUMES...

... BOATO no mundo. Até agora sem ninguém pra desmentir ou confirmar. Boato, todo mundo sabe, tem fundo de verdade.

... TRATA-SE de uma parceria em plena gestaç?o que o Fortaleza estaria celebrando com o investidor Artur Boim, aquele mesmo que assumiu o Icasa e que, por falta de um mísero ponto, n?o o levou pro Brasileir?o.

... CONSTA ter havido sugest?o do próprio investidor, através do vice-presidente Daniel Frota, que mesmo fora da ativa o cargo é dele. Frota passou o recado a Evangelista Torquato. Boim os convidou pra encontro em S?o Paulo.

... DEVIDO ?s suas atividades médicas, consultório permanentemente cheio, o médico Evangelista entregou a Daniel Frota a miss?o de conduzir os primeiros entendimentos.

... COMO assim? O que Boim tem pra oferecer e o que quer de volta.. Na qualidade de investidor n?o quer perder dinheiro, se o negócio for bom. Será sempre se as duas partes levarem vantagem e nenhuma delas tentar passar a outra pra trás.

... IDEIA, porém, em gestaç?o. Tanto pode dar certo, quanto pode n?o dar. Trata-se de uma faca amolada de dois gumes.

... EM tudo isso uma verdade latejante. Sem suporte financeiro o Fortaleza ficou ? merc? da colaboraç?o que seria aportada pelos chamados homens de ouro que se reuniram com esse objetivo. Até agora, na prática, nada. Como disse uma língua ferina: futebol n?o se faz com poesia, nem conversa fiada...

-----------

Partidos de aluguel ou times de aluguel para beneficiar empresários é prática comum.
Mas para partidos ou times pequenos, sem simpatizantes ou torcedores.

Mas com um time como o Fortaleza, com tamanha torcida?
Se n?o der certo o cara vai logo embora e deixa as dívidas conosco.


[Editado em 5-2-2014 por guaramiranga]




No final, nós nos lembraremos do sil?ncio de nossos amigos e n?o das palavras de nossos inimigos. Luther King
Visualizar o Perfil do Usuário Visualizar todas as mensagens do usuário Enviar Mensagem Privada ao Usuário
guaramiranga
Super Craque
*********


Avatar


Mensagens: 6541
Cadastrado: 1-8-03

Naturalidade: Botija - Guarami

O usuário não está online

Humor: Esses DIRETORES s?o de PRIMEIRA!

enviada em 5-2-14 em 11:32 AM Responder com Citação
Tom Barros, 05/02/14



Limites

Se houver acordo entre o Fortaleza e o empresário Boim (aquele que investiu muito no Icasa em 2013), necessário será o estabelecimento das áreas de atuaç?o de cada no campo financeiro. Evitará cobrança de ressarcimento no futuro, caso ocorra um rompimento.




No final, nós nos lembraremos do sil?ncio de nossos amigos e n?o das palavras de nossos inimigos. Luther King
Visualizar o Perfil do Usuário Visualizar todas as mensagens do usuário Enviar Mensagem Privada ao Usuário
jroberto
Profissional
*******


Avatar


Mensagens: 1046
Cadastrado: 5-8-03

Naturalidade: Fortaleza

O usuário não está online

Humor: FEC SEMPRE!

enviada em 5-2-14 em 07:40 PM Responder com Citação


Até agora esperando a galera que dizia que ia investir no Fortaleza....

Muita zoada e pouca aç?o...




SDS,

José Roberto Jr.
Visualizar o Perfil do Usuário Visualizar todas as mensagens do usuário Enviar Mensagem Privada ao Usuário
guaramiranga
Super Craque
*********


Avatar


Mensagens: 6541
Cadastrado: 1-8-03

Naturalidade: Botija - Guarami

O usuário não está online

Humor: Esses DIRETORES s?o de PRIMEIRA!

enviada em 19-2-14 em 12:13 PM Responder com Citação
Graziani, elenco blindado, diretoria em crise



Líder invicto da primeira fase do estadual cearense com 38 pontos dos 42 possíveis. Vaga para a Copa do Brasil 2015 garantida e dois pontos extras para o hexagonal da segunda fase da competiç?o. Melhor ataque do país com 46 gols marcados em 14 partidas (média de 3,28 por jogo). Atletas exaltando o ótimo ambiente no vestiário e acreditando que ter?o sucesso nos mais complicados desafios deste semestre (vencer o campeonato impedindo o tetra do kanal e começar bem a Série C). Um técnico, Marcelo Chamusca, admirado pela torcida (coisa rara) e com o controle total sobre os jogadores que, ainda que classificados e com a miss?o cumprida nesta primeira etapa, mantém a motivaç?o, apesar do salários atrasados, reflexo da crise administrativa e financeira do clube.

Tal situaç?o é assumida abertamente pelos dirigentes. Em pouco mais de um m?s e meio o clube já teve dois diretores de futebol. O advogado Adailton Campelo começou 2014, mas saiu antes da metade de janeiro acusando outros dirigentes (o empresário Renan Vieira e o médico Evangelista Torquato) de articulaç?o para sua queda e cobrando o que teria investido no clube de volta.

Evangelista Torquato ent?o assumiu a diretoria de futebol. É ele um dos líderes do movimento “Democracia Fortaleza”, que tem diverg?ncias claras com o atual presidente, e também deputado estadual, Osmar Baquit. Evangelista, entretanto, n?o durou muito no cargo. A expectativa era de que a composiç?o aproximasse os grupos e o Fortaleza pudesse ter momentos de tranquilidade e recuperaç?o, mas as diferenças de posicionamento n?o foram superadas. S?o opostas as formas de enxergar o dia a dia do clube. A saída do diretor financeiro Flavinho Novaes, aliado de Evangelista, motivou o pedido de desligamento do ent?o diretor de futebol, oficializado nesta semana. O médico, entretanto, diz que n?o vai se afastar do clube e deve continuar ajudando o Fortaleza financeiramente, como fez em 2013 ao lado de um grupo de empresários, colocando 70 mil reais mensais para pagar salários de atletas durante a Série C.

No meio disso tudo, o vice-presidente do Fortaleza, Daniel Frota, negocia uma parceria com o empresário paulista Arthur Boim, que investiu no Icasa em 2013, mas que deixou o clube após o fim da Série B. As chances s?o boas de um acordo porque está faltando dinheiro no Pici e s?o os próprios dirigentes que falam isso abertamente. N?o há segredo. O cargo de diretor de futebol pode ser acumulado pelo presidente Osmar Baquit. A volta de Adailton Campelo (que está em S?o Paulo com o diretor de marketing Fábio Mota resolvendo problemas da gest?o da marca do clube) é cogitada ou ent?o assume alguém ligado ao empresário, se a parceria for assim fechada.

Com todo esse cenário, os jogadores n?o receberam salário em 2014, mas resolveram se empenhar ainda mais. A estratégia tem dado certo. A torcida está do lado do grupo e entende como absurda a falta dos salários em dia. Alguns torcedores est?o ajudando o clube comprando equipamentos para a concentraç?o dos jogadores, que agora está sendo feita no próprio Pici, medida que tem economizado cerca de cinco mil reais de hospedagem por partida.

O técnico Marcelo Chamusca e o gerente de futebol, Julio Manso, t?m blindado o elenco de uma forma que os jogadores sabem o que ocorre, mas n?o se deixam abater. É um trabalho admirável da dupla diante da situaç?o difícil. Os atletas merecem crédito. Quem está lá dentro garante que o grupo é forte mentalmente, responsável e comprometido. Sabem que vencendo há mais chances de receber salários. Além disso, os “bichos” por vitória no valor de 10 mil reais t?m sido pagos. É isso que tem ajudado boa parte do elenco. Já os funcionários do clube t?m sido pagos pelo dinheiro que entra do projeto de sócios-torcedores, o Le?es do Pici.




No final, nós nos lembraremos do sil?ncio de nossos amigos e n?o das palavras de nossos inimigos. Luther King
Visualizar o Perfil do Usuário Visualizar todas as mensagens do usuário Enviar Mensagem Privada ao Usuário
Enviar nova mensagem


Subir para o início da página